Asma na prevenção laboral





Prevenção

O objetivo principal na asma ocupacional é a prevenção. Higiene ambiental tal como melhor ventilação ou processos de isolamento podem contribuir para melhoria ambiental. Uma vez que se determine a causa, o essencial é evitar futuras exposições do trabalhador ao agente causal (alergeno). O ideal é minimizar até eliminar a contaminação do local de trabalho, através da adoção de medidas de proteção coletiva. Quando as medidas de proteção coletiva não são viáveis, ou enquanto estão sendo implantadas, devem ser usadas os protetores respiratórios (respiradores). O uso de equipamentos de proteção individual é importante e tem seu emprego em alguns casos. A educação do trabalhador sobre os efeitos na saúde, acerca da exposição no ambiente de trabalho e como minimizá-los têm grande importância também.

Medidas de proteção coletiva: exemplos

- substituição de matérias primas patogênicas por outras menos tóxicas,
- enclausuramento total ou parcial do processo;
- exaustão localizada ou geral;
- ventilação local ou geral e,
- umidificação do ambiente com lavagem constante do piso.

Protetores respiratórios (respiradores)

Os protetores respiratórios podem ser classificados em dois tipos básicos:

aparelhos purificadores (máscara a filtro): estrutura facial dotada de um ou mais filtros específicos para poeiras ou substâncias químicas, e

aparelhos de isolamento: usados em ambientes pobres em oxigênio (teor menor que 18% de volume) ou em ambientes contaminados a altas concentrações. Podem ser autônomos (cilindros de ar ou oxigênio) ou de adução de ar (bomba manual ou motorizada).
Asma na prevenção laboral Asma na prevenção laboral Editado por saude.chakalat.net on 08:45 Nota: 5

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.