O ácaro e a asma





 
A poeira domiciliar é considerada um dos mais importantes alérgenos e responsável pela maioria dos sintomas alérgicos do aparelho respiratório. Ë constituída por uma coleção de material orgânico e inorgânico proveniente do ambiente (lã, crina, vegetal, fungos, bactérias, caspa humana e de animais, além de insetos e ácaros, entre outros). De todos os componentes citados é o ÁCARO o principal sensibilizador e provocador de sintomas alérgicos.

O ácaro é um "bichinho" muito pequeno, invisível a visão normal.

 O principal antígeno destes ácaros está nas suas bolotas fecais (fezes), que são normalmente encontrados em carpetes, estantes de livros, cortinas e principalmente em travesseiros e camas.

As crises de asma brônquica podem ser desencadeadas por diversos fatores. O controle do ambiente deve ser específico para cada tipo de substância a que a pessoa seja alérgica. No caso do ácaro, o ideal seria diminuir a umidade do ar ambiente, reduzir a poeira domiciliar e quando possível, fazer uso de acaricídas (drogas que matam o ácaro). Retirar carpetes, preferir persianas que possam ser limpas com um pano úmido, encapara colchões e travesseiros com plástico etc.

É claro que nem sempre é possível realizar todas as medidas profiláticas, mas estas são importantes para obter-se a melhora dos sintomas, além de diminuir a quantidade de medicação utilizada pelo asmático.

 

Flavia Janolio
O ácaro e a asma O ácaro e a asma Editado por saude.chakalat.net on 07:48 Nota: 5

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.