Um em cada sete adultos no Brasil sofre de asma






Um em cada sete adultos no Brasil, ou 12% da população acima dos 18 anos, sofre de asma. Entre as crianças, esse número sobe para uma em cada seis.

A falta de ar desesperadora e o chiado no peito provocados pela asma e também pela bronquite, uma inflamação temporária das vias aéreas.

Diferente da bronquite, a asma é uma doença crônica, ou seja, para a vida toda. Mas tem tratamento e pode ser controlada, com cuidados simples de higiene e limpeza. Evitar pó, produtos químicos, bichos de pelúcia, animais e outros agentes é fundamental para prevenir as crises. Com o frio e o tempo seco, o problema também costuma aumentar. E todo o aparelho respiratório sofre: desde o nariz, até a garganta e os pulmões.

Asma e bronquite (Foto: Arte/G1)

A asma mata 3 mil brasileiros por ano. E a doença nasce com as pessoas, ou seja, tem uma carga genética envolvida. Já a inflamação da bronquite é aguda e dura de dois a três dias - depois desaparece e pode voltar em outra ocasião.

Além do cigarro, a bronquite pode ser motivada pela infecção de um vírus. Esses micro-organismos são inalados pelo nariz e chegam à traqueia e aos brônquios, provocando uma inflamação da camada interna dessa região, que se torna mais estreita. É por essa razão que o ar passa com mais dificuldade.

Há, ainda, um processo de contração muscular nos brônquios que diminui a área de circulação do ar. Isso pode ser desencadeado por alergia a poeira, frio ou outros fatores.

O médico observou também que o nervosismo não é causa direta de asma, mas o fator emocional e a ansiedade devem ser levados em conta e controlados.

Natação, ciclismo, corrida e remo são os esportes mais indicados para os asmáticos, e devem ser praticados regularmente, por 30 a 40 minutos.

Um em cada sete adultos no Brasil sofre de asma Um em cada sete adultos no Brasil sofre de asma Editado por saude.chakalat.net on 06:23 Nota: 5

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.